Precisamos falar sobre o desfile da Lab Fantasma

Lab SPFW - N42 Outubro / 2016 foto: Marcelo Soubhia/ FOTOSITE

É impressionante, como coisas incríveis e que tem o poder de mudar perspectivas podem acontecer dentro de uma caixa preta, na sala de um desfile, em cima da passarela. No segundo dia dessa SPFWn42 vimos a apresentação mais impactante dessa edição, digo isso sem medo, mesmo com a semana de moda ainda no meio, mas é que o que a Lab Fantasma fez, foi mais que um desfile, foi um movimento.

A marca do rapper Emicida e seu irmão Fióti com direção criativa de João Pimenta trouxe vida e verdade pra a passarela, com múltipla diversidade de modelos, a representatividade foi a palavra de ordem do desfile. Modelos negros, plus sizes, com cabelos afro lindíssimos, dominaram a apresentação cheia de estilo e atitude. Sem falar na própria coleção Yasuke (nome de um samurai negro) que mescla África e Ásia de forma muito criativa, cheia de assimetrias, logomania e peças oversized, num street wear atualizado.

O discurso de empoderamento veio através de cada detalhe, a Lab mostrou a realidade, a diversidade, a vida que acontece fora da caixa preta. A apresentação exalou a moda das ruas e como disse Emicida, “A rua é nós” e, finalmente, nós estávamos representados na semana de moda, do casting ao público. Foi emocionante ver “o dia que a favela invadiu a Fashion Week”, como disse o rapper. O dia que a favela deu o recado no maior evento de moda do país.

 Aperta o play pra ver o espetáculo:

Sem dúvidas um marco. Emicida disse: “Fiz com a passarela o que eles fez com a cadeia e com a favela, enchi de preto”. Cara, tu fez história na moda brasileira.

Foto: Marcelo Soubhia/FOTOSITE

 



Aperta o Play: Ain’t Your Mama

aperta_o_play_jennifer_lopez_aint_your_mama_0As Divas do Pop estão se empoderando! Depois da porrada que foi o lançamento de Lemonade de Beyoncé e do clipe Needed Me de Rihanna, agora é a vez de Jennifer Lopez se posicionar. Hoje de manhã a cantora lançou o clipe Ain’t Your Mama. Na história, J.Lo interpreta diversas mulheres ao longo das décadas, tudo começa com um discurso feminista da versão jornalista da cantora convocando as mulheres a se empoderarem.aperta_o_play_jennifer_lopez_aint_your_mama_1Assistindo ao discurso, está a versão de J.Lo dona de casa nos ano 1950, há também uma secretária na década de 1960, uma trabalhadora de fábrica dos anos 1970 e uma funcionária da uma grande corporação em 1980. Todas essas personagens representam as situações que as mulheres foram submetidas a limitações e constrangimentos pelo machismo ao longo da história da sociedade ocidental.aperta_o_play_jennifer_lopez_aint_your_mama_2Na letra da música, co-escrita com Meghan Trainor, Jennifer Lopez se rebela a esse esteriótipo de uma mulher que só tem a opção do papel de cuidar do homem, se coloca em protagonismo de sua vida e ainda intima os homens a amadurecerem, tal como é exigido das mulheres pela sociedade. aperta_o_play_jennifer_lopez_aint_your_mama_3No final, J.Lo aparece nos dias atuais quase como uma heroína (achei que o figurino lembra a roupa da Jessica Jones nos quadrinhos) com várias mulheres numa “manifestação” na rua (na verdade é só a coreografia da música, mas, de forma lúdica, é como se fosse um protesto). Ainda tem uma curiosidade, as botas azuis da roupa de “heroína” foram um presente da Rihanna. Girl Power total!aperta_o_play_jennifer_lopez_aint_your_mama_4

Além de todo esse empoderamento no vídeo a música ainda é bem dançante, ótima pra se jogar na pista e virar hino das amigas na balada! Então aperta o play logo!

Maravilhoso ver esse movimento no cenário pop musical, né? Inclusive, manda mais que tá pouco!

 



Estreia do Coletivo Minissaia

estreia_coletivo_minissaia_a_feira_cidade_john_drops_1Depois de semanas de burburinho, notícias, reuniões, planejamentos e um tantinho de ansiedade, o Coletivo Minissaia mostrou a que veio. Quem acompanha as redes sociais do blog (snapchat, twitter e instagram) viu um pouquinho do que aconteceu no último sábado, a estreia da versão Pocket Itinerante na A Feira da Cidade.

estreia_coletivo_minissaia_a_feira_cidade_john_drops_2

Pra o aguardado lançamento tivemos o prazer de entrevistar o querido John Drops, meu colega e instablogger super criativo que tá bombando com suas imitações icônicas de looks de celebrits. O papo rolou solto sobre temas atuais, engraçados e alguns mais polêmicos, conversamos sobre assédio virtual e o vazamento de nudes na internet, sobre o protagonismo que John tem exercido como baiano, sobre aceitação da auto imagem e muito mais!

estreia_coletivo_minissaia_a_feira_cidade_john_drops_3

Tudo isso sendo contemplado pelo cenário lindo do por do sol no Jardim dos Namorados. Ainda teve um piquenique no Lounge do Coletivo Minissaia pra celebrar com nossos colegas bloggers e parceiros.

estreia_coletivo_minissaia_a_feira_cidade_john_drops_4

Pra quem curtiu o programa, fique ligado, teremos mais duas edições Pocket Itinerante na A Feira da Cidade, além das apresentações nos teatros e nosso canal no youtube!

Fotos: Fabrício Cruz, Genilson Coutinho e Varope