Look do dia: Prata e grafite, azul e branco

Ainda pode postar sobre o lançamento do Mapa da Mina?! Pode, né?! Principalmente porque é look do dia, hahaha. Aliás, um dos mais esperados, hehehe, a produção foi super comentada no coquetel e feita com muito carinho, pra variar, hehehe. Comecei o look dessa vez pelos acessórios, o brinco foi a peça inicial, queria um prata e grande pra ficar bem em evidência, em seguida veio a ideia de muitos aneis, já que não queria adicionar um colar na composição.

Procurando na Morana Salvador achei o brinco perfeito, grande e bem leve, claro, hehehe. Parti pra a segunda parte, mas não menos importante, o vestido. Sabia desde o começo que queria usar a peça pra o lançamento, dando uma passadinha na Carmô pra conferir a nova coleção de festa achei esse vestido lindo que me ganhou na hora! Print floral espelhado em vários tons de azul no tecido de neoprene e texturinha no tecido das laterais, fiquei muito apaixonada pela composição e não resisti, seria o par perfeito pra o maxi brinco, principalmente pelas mangas e pelo decote minimo do modelo.

Pra fechar a composição do look faltava achar os aneis, numa segunda passada na Morana encontrei um anel 10 em 1, hahaha, são 10 peças juntas (mas dá pra usar separado) fininhas em grafite, bem no clima da trend de inverno, e que eu já estava procurando há um tempo, caiu como uma luva (não tive a menor intensão de fazer essa piadinha infame, hehehe). Nos pés estava planejado usar um salto dourado, mas eis que meu makeup artist mais fofo do mundo, Leo Monteiro, apareceu com um presentinho mega fashion e, que sem ele saber, tinha tudo a ver com meu look, pura sintonia! Foi impossível não usar, amei demais o pump marinho com detalhes em dourado, fiquei super encantada, carinho demais, Leo!

Vestido: Carmô | Brinco e Aneis: Morana Salvador | Sandália: Red Dog’s (Presente do Leo Monteiro)

Gostaram do look? Deu pra ver que o make e o penteado também fizeram a composição do look, né? Vai ter post especial só com a beauté do dia! Que tal?!

Fotos: Roberto Cunha e Pah Souza